Estado

Moraes autoriza devolução de celular de preso por 8 de Janeiro que morreu na Papuda

O ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou na quinta-feira, 7, a devolução do celular de Cleriston Pereira da Cunha, que morreu em novembro deste ano vítima de mal-súbito.

Por Redação em 08/12/2023 às 20:59:05

Foto: Reprodução internet

O ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou na quinta-feira, 7, a devolução do celular de Cleriston Pereira da Cunha, que morreu em novembro deste ano vítima de mal-súbito. Cleriston cumpria pena no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília. O aparelho celular estava sob posse da Polícia Federal.

A defesa de Cleriston alegou, após sua morte, que o telefone não era mais de interesse da Justiça para investigar os atos de 8 de Janeiro e, portanto, solicitou a recuperação do dispositivo para a família. Em sua decisão, Moraes alegou que “defiro o pedido de restituição do aparelho de telefone celular da marca Xiaomi à defesa de Cleriston Pereira da Cunha por não interessar mais ao processo”.

Cleriston havia se tornado réu em 17 de maio pelos atos do 8 de Janeiro, que culminaram na acusação dos crimes de: associação criminosa armada; abolição violenta do Estado Democrático de Direito; golpe de Estado; dano qualificado pela violência e grave ameaça com emprego de substância inflamável contra patrimônio púbico; e deterioração de patrimônio tombado.

Fonte: Jovem Pan

Comunicar erro
Estado 02

Coment√°rios