Detran AL

Bolsonaro e Salles retomam conversa sobre Prefeitura de SP; Nunes espera oficialização de Tarcísio

Três meses depois de desistir da pré-campanha à Prefeitura de São Paulo em 2024, o deputado federal Ricardo Salles (PL-SP) voltou a articular uma candidatura ao pleito.

Por Redação em 02/10/2023 às 11:30:39

Foto: Reprodução internet

Três meses depois de desistir da pré-campanha à Prefeitura de São Paulo em 2024, o deputado federal Ricardo Salles (PL-SP) voltou a articular uma candidatura ao pleito. Ele e o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), presidente de honra da sigla, se encontraram na semana passada em Brasília para tratar do assunto. Segundo interlocutores, durante a conversa, Bolsonaro não se manifestou contrário a ideia. O ex-presidente teria dito, inclusive, que uma candidatura pelo próprio PL seria uma possibilidade.

Em setembro, uma ala da legenda ligada ao bolsonarismo passou a se tornar mais resistente à ideia de apoiar o atual prefeito e pé-candidato à reeleição, Ricardo Nunes (MDB). Eles reclamam do fato de Nunes não "abraçar" o ex-presidente e também de pouco espaço em cargos públicos. Por isso, nomes como o do senador Marcos Pontes (PL-SP) começaram a ser ventilados como opções para a sigla — mesmo depois de Nunes e Bolsonaro terem se encontrado para aparar as arestas.

Mesmo com o "aval" de Bolsonaro ao retorno de Salles para a disputa, pessoas próximas ao deputado federal dizem ser improvável uma candidatura pelo PL. O presidente do partido, Valdemar Costa Neto, tem dito que a sigla está fechada com Nunes, apesar de garantir publicamente que a decisão sobre o assunto será de Bolsonaro. Pessoas próximas ao prefeito da capital paulista também afirmam que o PL já está garantido dentro do rol de apoios para o ano que vem. Assim, Salles estuda a possibilidade de deixar a legenda. Aliados afirmam que os votos bolsonaristas podem ser definitivos se uma pessoa mais alinhada a Bolsonaro do que Nunes — no caso, Ricardo Salles — entrar na disputa.

“Ricardo Nunes foi um presente”

Apesar de Bolsonaro estar "balançado" entre os apoios e ainda não ter firmado uma decisão, como disse um interlocutor, o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, já fechou a questão há algum tempo. O anúncio oficial ainda não foi feito, mas no Palácio dos Bandeirantes já se sabe que o acerto está feito. Tarcísio e membros do governo, inclusive, tem aumentado o número de elogios ao prefeito, que foi chamado de “um presente” pelo chefe do Executivo paulista no último sábado, 30. Aliados de Ricardo Nunes, no entanto, ainda aguardam uma formalização. A avaliação é que uma fala concreta de Tarcísio o quanto antes é importante para consolidar o prefeito.

Fonte: Jovem Pan

Comunicar erro
Alagoas 02

Comentários