Agente é baleado por militar e morre durante briga por terreno

V√≠tima ainda foi socorrida à UPA do Franc√™s, com ferimentos no tórax e braço, mas não resistiu

Vítima morreu após briga com PM, em Marechal Deodoro

Vítima morreu após briga com PM, em Marechal Deodoro

O agente socioeducativo M√°rcio Alves de Souza, morreu ao ser baleado por um policial militar, na noite desse s√°bado (13), em Marechal Deodoro, Alagoas.

Informações obtidas pelo Sindicato dos Policiais Penais do Estado de Alagoas (Sinasppen/AL), apontam que o 2¬į Sgt Alexsander Rafael dos Santos, lotado no 4¬į Batalhão de Polícia Militar, teria se envolvido numa discussão com o agente, por causa de um terreno. A situação teria evoluído para vias de fato e M√°rcio, na hora da briga, teria puxado uma pistola.

"Nesse momento, o Sgt Alexsander também puxou a sua pistola e disparou contra o agente, atingindo o tórax e o braço dele. M√°rcio foi levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Franc√™s, mas não resistiu e veio a óbito", informou o sindicato.

O Sinasppen/AL também lamentou o ocorrido. "Recebemos a informação ainda na noite de ontem, s√°bado, com o informe de que a vítima era um policial penal, mas, o que não é verdade. Ele é um prestador de serviço da Superintend√™ncia de Medidas Socioeducativas (Sumese), ligada à Secretaria de Estado de Prevenção à Viol√™ncia (Seprev). Infelizmente, esses prestadores t√™m o h√°bito de se identificar como policiais penais, principalmente os que j√° trabalharam no Sistema Prisional. Entretanto, lamentamos o fato", informou Vitor Leite, presidente do Sinasppen/AL, neste domingo (14).

A reportagem entrou em contato com a assessoria da PM, para saber informações do militar, bem como se ele foi detido, mas, até o momento, não obteve retorno.