Estado

Equipes passam a madrugada monitorando mina com risco iminente de colapso, no Mutange

Por Tnh1 em 30/11/2023 às 08:33:54

Vasni Soares/TV Pajuçara

Equipes da Defesa Civil municipal, estadual e nacional, além de outros órgãos de prevenções de desastre natural, passaram a madrugada desta quinta-feira, 30, com o trabalho de monitoramento em região do bairro do Mutange, em Maceió, depois dos últimos tremores de terra registrados no local. Conforme comunicado do órgão municipal, o quadro se agravou nessa quarta-feira, 29, e há risco iminente de colapso da mina de número 18, que fica próxima ao antigo campo do CSA.

Por meio de nota, já no fim da noite de quarta-feira, a Defesa Civil de Maceió reforçou que a área do bairro já está desocupada, e voltou a recomendar para que a população evite transitar pela região, assim como embarcações não sejam usadas na Lagoa Mundaú, pelo risco oferecido com a situação.

"O Gabinete de Crise e a Defesa Civil de Maceió estão trabalhando 24 horas na execução do plano de contingência, garantindo assistencia a quem precisa. A Defesa Civil Nacional, através do diretor Paulo Falcão, também está dando todo suporte à operação. Alertamos ainda para as Fake News", mostra trecho do comunicado.

Nas redes sociais, o coordenador da Defesa Civil Municipal, Abelardo Nobre, gravou um vídeo ao lado do representante da Defesa Civil Nacional, Paulo Falcão, no centro de monitoramento do órgão da capital. Ele destacou que o foco das equipes continua sendo na área de localização da mina, próxima ao campo de futebol, e as áreas adjacentes, de acordo com Nobre, ainda não apresentam alterações.

Por precaução, a Prefeitura de Maceió, com seu plano de contingência, disponibilizou abrigos de forma preventiva e voluntária para a população que se sentir insegura. "Seguimos atentos. Para mais informações, acompanhe nossas redes, ligue 199".

Confira abaixo:

Decreto de emergência - Um decreto assinado pelo prefeito JHC, publicado em edição extraordinária do Diário Oficial do Município, nessa quarta-feira (29), declara situação de emergência por 180 dias em Maceió devido ao iminente colapso da mina nº 18, mantida pela Braskem, na região da Lagoa Mundaú, no bairro do Mutange, na capital. Acesse a publicação aqui.

Comunicar erro
Estado 02

Comentários