Covid-19: uso de máscara em bares, restaurantes e transporte público é facultativo em Alagoas

Por Cadaminuto em 25/11/2022 às 07:48:20

Bares e restaurantes de Maceio / Foto: Ilustração/Maikai/Arquivo

Com a recomendação da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) para o retorno do uso de máscaras em locais fechados, órgãos públicos e privados começaram a anunciar que voltarão a adotar a medida de proteção, já outros optaram pelo uso facultativo.

O médico infectologista Fernando Maia, esclarece que esta é uma variante muito contagiosa, mas a grande maioria dos casos desenvolve sintomas de forma leve. No entanto, "como todas as variantes, pode fazer-se de forma grave em pacientes muito debilitados pela idade ou doença e, principalmente, em indivíduos não vacinados com as quatro doses".

Questionado sobre o uso das máscaras diante da nova variante, o infectologista destaca que é "interessante" retomar a prática em ambientes fechados.

Fernando Maia/ Foto: Assessoria

Bares e restaurantes

Ao Cada Minuto, o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Alagoas (Abrasel/AL), Marcus Batalha, informou que os estabelecimentos seguem sem cobrar o uso de máscaras de clientes.

De acordo com Marcus, é facultativo o uso de máscaras de prevenção contra a Covid-19 em restaurantes, bares e restaurantes, ao ar livre ou em ambientes fechados.

"Entendemos continuar facultativo o uso de máscara, sem alteração do status atual", informou.

Transportes públicos

Já sobre o uso de máscaras no transporte público de Maceió, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) informou, através de nota, que o uso de máscaras segue opcional.

"Segue facultativo para usuários e trabalhadores do transporte público que operam na capital alagoana", comunicou a superintendência.

Templos e igrejas

A assessoria de comunicação da Arquidiocese de Maceió destacou que mesmo após a liberação do uso de máscara de proteção contra Covid-19, a Arquidiocese decidiu manter o uso dentro das igrejas e em qualquer evento religioso realizado em espaço fechado.

"Na Arquidiocese de Maceió o decreto eclesial, emitido pelo Arcebispo permaneceu mesmo o governo decretando a liberação", comunicou.

Eles lamentam ainda o aumento no número de casos e expõem preocupação com a população. "Os fiéis, em especial os mais idosos e com comorbidades, sempre foram orientados ao uso de máscaras dentro das igrejas ou encontros em locais fechados", disse.

Poder Judiciário

A recomendação é para os ambientes internos do Poder Judiciário de Alagoas, resolução aprovada em sessão do Pleno do Tribunal de Justiça de Alagoas e direcionada para magistrados, servidores, estagiários, prestadores de serviço e público externo, visando prevenir o contágio pela Covid-19.

Recomendações sobre a Covid-19 em Alagoas:

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) recomenda firmemente à toda população diante do aumento de casos Covid-19:

Completar o ciclo vacinal, pois a vacina é o mais importante e efetivo meio para o combate contra Covid-19, bem como, cabe aos pais e responsáveis levar as crianças nos locais onde as mesmas estão sendo vacinadas;

O uso de máscaras de proteção facial nos ambientes fechados;

O uso de máscaras de proteção facial nos transportes públicos;

O uso de máscaras de proteção facial em qualquer situação ou ambiente para os idosos e imunossuprimidos;

Lavagem das mãos com bastante frequência, priorizando o uso do álcool em gel ou sabão/sabonete;

Evitar aglomerações de pessoas;

As pessoas com sintomas respiratórios devem usar máscara de proteção facial e buscar ajuda no sistema de saúde e realizar a testagem;

Em caso de positividade para Covid-19, fazer o isolamento; e,

A obrigatoriedade do uso das máscaras em todas as unidades e ambientes vinculados à saúde.

Comunicar erro

Comentários