Protesto: após morte de motorista de app, grupos bloqueiam várias avenidas de Maceió

Por TNH1 em 16/08/2022 às 10:05:34

Andrezza Tavares

Motoristas por aplicativo fecharam os dois sentidos da Avenida Fernandes Lima, principal corredor de transportes de Maceió, na manhã desta terça-feira, 16, para chamar atenção para os casos de violência vivenciados pela categoria nos últimos meses.

Cobrando mais segurança, motoristas queimaram pneus e galhos de árvores. Um grande congestionamento se formou nos dois sentidos da avenida.

A mobilização dos motoristas também foi vista na Avenida Menino Marcelo, a conhecida Via Expressa, que foi bloqueada nas proximidades de um hipermercado.

O protesto aconteceu depois que a motorista de transporte por aplicativo, identificada como Amanda Pereira, de 27 anos, foi encontrada morta após desaparecer durante uma corrida entre as cidades de Rio Largo e Marechal Deodoro. O corpo dela foi localizado na madrugada desta terça-feira, 16, no Rio do Meio, no bairro Benedito Bentes, em Maceió. Ninguém foi preso até o momento.

Por volta das 9h30 da manhã, os motoristas liberaram a Avenida Fernandes Lima. Antes eles se reuniram e, de mãos dadas, fizeram uma oração, além de pedir por justiça. A categoria se mobilizou também para fazer uma carreata com destino aos escritórios de duas empresas de transportes por aplicativo na capital.

Comunicar erro

Comentários