08/05/2021 (82) 98122-3473

Polícia

PC/AL prende acusado de agredir e ameaçar ex-companheira em Craíbas

Por Assessoria 30/04/2021 às 11:03:52

A Polícia Civil de Alagoas, por meio da equipe do 62º Distrito Policial de Craíbas (62º DP), coordenada pelo delegado regional de Arapiraca, Guilherme Lusten, prendeu em flagrante um homem, de 21 anos de idade, pela prática dos crimes de lesão corporal dolosa, violação de domicílio, ameaça e injúria. Os fatos ocorreram na manhã de quinta-feira (29), no Centro de Craíbas, cidade do Agreste alagoano.

Os crimes de violência doméstica e familiar foram cometidos contra sua ex-companheira, de 42 anos de idade, com a qual convivia há seis anos.

De acordo com o delegado, os policiais civis estavam de serviço quando a mulher chegou à delegacia apresentando lesões na cabeça, ainda com sangramento.

A mulher contou que o agressor invadiu sua residência, proferiu palavras de baixo calão e partiu para cima dela, derrubou-a no sofá e ainda desferiu vários socos em sua cabeça, causando as lesões, além de afirmar que iria mata-la, tudo isso na presença das filhas da vítima.

Os policiais civis, imediatamente, realizaram diligências e conseguira deter o agressor em flagrante delito, após encontra-lo escondido na casa da mãe dele, no Centro da cidade.

O acusado foi conduzido à delegacia, onde foi lavrado o auto de prisão, tendo a equipe de policiais do 62ºDP prestado a assistência necessária para que a mulher fosse submetida a exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca, ficando atestadas as agressões.

O preso já se encontra recolhido ao presídio do Agreste à disposição da Justiça

O delegado regional disse que a Polícia Civil continua intensificando o trabalho para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher no município de Craíbas e em toda região do Agreste.

Ele também agradeceu o apoio que vem recebendo do delegado Mário Jorge Barros, gerente de Polícia Judiciária da Região 3 (GPJ3), do delegado-geral Carlos Alberto Reis, e do secretário de Segurança Pública, Alfredo Gaspar de Mendonça.

Comunicar erro
Comentários