Babá é resgatada de cárcere privado após gritar por socorro em Maceió; suspeito tentou estuprá-la, diz PM

Arquivo

Arquivo

Uma babá foi vítima de tentativa de estupro dentro de uma residência no bairro de Cruz das Almas, em Maceió, na noite dessa segunda-feira (19). O suspeito do crime, que seria o morador do imóvel, foi preso em flagrante depois de uma equipe de policiais invadir o local após ouvir gritos de socorro. Além dos dois, três menores estavam dentro da casa. As informações foram passadas pela Polícia Militar na manhã desta terça (20).

Inicialmente, os militares receberam a informação sobre um caso de sequestro e cárcere privado dentro de uma residência. Ao chegar no local, a equipe encontrou um vizinho e ele declarou que os familiares da vítima estavam apreensivos e pediram ajudar, já que ela não tinha conseguido deixar o imóvel e estava aos gritos no interior dele.

Os policiais buscaram contato com o suspeito e interfonaram para a residência. Ele atendeu, mas se recusou a abrir a porta. Na sequência, a babá continuou a pedir ajuda, e o homem não quis mais dialogar com os militares.

Diante da situação, a equipe soliticou apoio de policiais do 13º Batalhão e, com o reforço, o imóvel foi invadido para a vítima ser libertada. Ela foi encontrada bastante abalada e foi amparada pelas pessoas presentes ao sair da residência.

O suspeito tentou se esconder dentro de um quarto e estava com três crianças. A PM deu ordem de prisão, mas ele ainda tentou reagir, sendo necessário o uso de algemas para contê-lo. Porém, depois de ele se acalmar, as algemas foram retiradas e ele foi levado em viatura para a Central de Flagrantes.

Dentro do quarto, os militares apreenderam um revólver de calibre 38, diversas seringas e uma ampola de Durateston, esteroide anabolizante com variados ésteres da testosterona, em sua forma sintética. A arma e os materiais foram apresentados na delegacia.

A Polícia Militar destacou que o suspeito foi ouvido pelas autoridades e autuado por tentativa de estupro e posse irregular de arma de fogo. Não houve detalhes das circunstâncias que ele tentou abusar sexualmente da babá. Ela deve prestar depoimento e o caso deve ser investigado.