Governo 01

Crédito do Trabalhador do Turismo: saiba como ter acesso ao benefício com condições especiais de pagamento

Ação da Setur em parceria com a Desenvolve visa fomentar a expansão dos negócios ligados ao segmento turístico

Por Thyeres Medeiros / Ascom Sesau em 25/05/2023 às 19:23:56

Divulgação

Os microempreendedores são boa parte das empresas registradas no Brasil e estes estabelecimentos representam uma fatia importante na economia alagoana. Por isso, o Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado de Turismo (Setur) e da Desenvolve (Agência de Fomento de Alagoas), viabilizou uma linha de crédito exclusiva para os microempreendedores individuais (MEIs) do turismo, o Crédito do Trabalhador do Turismo.



Para ter acesso aos empréstimos, que vão de R$ 5 mil a R$ 21 mil, o microempresário individual deve agendar um horário para ir à sede da Desenvolve, em Maceió ou em Arapiraca, acessando o site www.desenvolve-al.com.br ou ligando para os números 3315-3468 / 98833-5856 / 988845212.

O atendimento de acesso ao crédito também é feito nas Salas do Empreendedor nas cidades de Delmiro Gouveia, Olho D'Água das Flores, União dos Palmares, Coqueiro Seco, Junqueiro, Cajueiro, Coruripe, Dois Riachos, Jequiá da Praia, Maravilha e Penedo.

Para a secretária de Estado do Turismo, Bárbara Braga, o Crédito do Trabalhador do Turismo deve impulsionar ainda mais o setor em Alagoas. "Esse suporte é mais uma promessa de campanha cumprida pelo governador Paulo Dantas e chega em um momento importante para os microempreendedores, que estão na linha de frente no dia a dia com nossos turistas, na venda de produtos e serviços. Com estes recursos, os empresários podem investir em seus negócios, garantindo a expansão do seu faturamento, além de oferecer um melhor atendimento e experiência a quem nos visita. Todo esse movimento cria um cenário de geração de novas oportunidades no setor em todo o estado", frisa a gestora.

O prazo de pagamento do recurso liberado pela linha Crédito do Trabalhador será de 21 meses de amortização e mais três de carência, somando um total de 24 meses, isento de IOF. São mais de 40 tipos de CNAE (Cadastro Nacional de Atividades Econômicas) ligados à atividade turística como Microempreendedor Individual (MEI). A lista pode ser conferida aqui .



Além disso, é necessário possuir certificado de operador de turismo do Cadastur, emitido pelo Ministério do Turismo (Mtur), e que esta certificação esteja dentro do prazo de validade. Serão dispensadas Certidões Negativas de Débito, e restrições junto ao Serasa poderão ser sanadas durante o processo de solicitação, não inviabilizando a concessão.

De acordo com o presidente da Desenvolve, Eduardo Brasil, o Crédito do Trabalhador do Turismo chega em um momento bastante oportuno, já que quem trabalha no segmento entra agora no período da baixa temporada. Além disso, o recurso apresenta juros abaixo do praticado pelo mercado, cumprindo, assim, a função social que compete à Desenvolve.

Comunicar erro

Comentários