Em busca do voto útil, Lula afirma que Ciro Gomes "está surtando" e rebate acusações

Por Redação em 23/09/2022 às 01:22:07

O candidato à presidência Luiz Inácio Lula da Silva (PT) concedeu uma entrevista nesta quinta-feira, 22, e acusou seu adversário na disputa eleitoral, Ciro Gomes (PDT), de estar “surtando”. A fala ocorreu após o entrevistador Ratinho questionar sobre a medida do pedetista de prometer perdoar dívidas da população. “Eu acho que o Ciro está surtando”, disse interrompendo o apresentador. Em seguida, o líder nas pesquisas de intenção de voto relembrou a passagem de Ciro no Ministério da Fazenda durante a gestão de Itamar Franco e disse que é “importante lembrar” alguns fatos “se ele [Ciro] tiver memória curta”. “Eu vi o Ciro falar para você [Ratinho]: ‘Não, porque a taxa de juros está muito alta, o Brasil pagou R$ 500 bilhões’. Ele foi Ministro da Fazenda durante três meses, sabe qual era a taxa de juros quando ele foi ministro? 55%”, afirmou. O petista, que segue em busca do voto útil na tentativa de liquidar as eleições presidenciais ainda no primeiro turno – pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta mostra o ex-metalúrgico com 50% dos votos válidos e no limite para ser eleito já em 2 de outubro -, ainda fez um apelo no programa e pediu para que os eleitores não deixem de votar. “Eu queria que você comparecesse, você que acha que vai se abster, porque não gosta de ninguém, por favor, vá para a urna votar e escolha quem você acredita que vai consertar o país. Mas vote para ter o direito de reclamar, de xingar, de cobrar. Se você não for votar, não vai poder cobrar nada de ninguém”, clamou. Por fim, o candidato do Partido dos Trabalhadores pontuou que não há dúvidas sobre a lisura do processo eleitoral e que o “Lulinha paz e amor voltou com força total”.

Fonte: Jovem Pan

Comunicar erro

Comentários