30/06/2020 às 18h57min - Atualizada em 30/06/2020 às 18h49min

CONHECENDO O GRUPO TÁTICO DA POLÍCIA CIVIL DE ALAGOAS

Flávio Fox
            O Tático Integrado de Grupos de Resgates Especiais (T.I.G.R.E), da Polícia Civil de Alagoas, é o grupamento de elite da Policia Civil alagoana que merece ganhar destaque pelos seus grandiosos trabalhos executados ao longo de toda sua história.
             No dia 17 de maio deste ano,  completou 26 anos de atuação e hoje faz parte do departamento especial de investigação e capturas ( DEIC), onde o grupamento é usado como linha de frente nas ações policiais deste renomado e reconhecido departamento.
         O grupo foi criado para agir em situações de risco, como gerenciamento de crises, ações repressivas a assaltos e sequestros, operações especiais e desativação de artefatos explosivos e incendiários, integra a Segurança Pública de Alagoas contribuindo para uma sociedade cada vez mais segura.
       Para fazer parte do T.I.G.R.E, existe uma minuciosa seleção, entrevistas, currículo e curso.O mesmo é composto por seletos policiais com conhecimentos técnicos nas mais diversas modalidades, onde seus agentes também são multiplicadores de conhecimento entre seus pares.
            Com destaque nas mais diversas ações policiais, executam com êxito qualquer missão que assim lhes sejam dadas, sendo referencia nacional no combate a seqüestros. No estado de Alagoas o grupo de elite foi diretamente responsável pelo fim deste crime hediondo, várias vitimas foram resgatadas com precisão cirúrgica de seus agentes, sequestradores foram presos. Sempre agiu dentro da legalidade, proporcionalidade e respeito ao próximo.
         Outra marca das ações do grupamento é o combate aos assaltos à banco no Estado, onde o T.I.G.R.E em muitas vezes em operações integradas com outras forcas policiais, ou em trabalhos isolados, participaram diretamente no enfrentamento contra os sanguinários assaltantes de banco do conhecido “novo cangaço”, por exemplo, e graças ao profissionalismo, técnicas e táticas, os resultados foram sempre positivos.
           Quase todas as ações executadas pelo grupo de elite são previamente levantadas por setores de inteligência ou departamentos, em seguida o grupamento realiza briafings a fim de realizar um planejamento onde seja escolhida e executada a  melhor forma de cumprir a missão. Os agentes têm uma rotina diferente dos demais setores da Policia Civil, pois devem semanalmente praticar atividades coletivas físicas e táticas, além de cumprir seus plantões e sobreavisos.
           Falo com orgulho desse grupo no qual fiz parte durante 16 anos de minha carreira policial. Sei da capacidade dos meus colegas e do nível técnico de cada um deles, trabalhando sempre com excelência nas missões que lhes são conferidas.  Lamentavelmente, de uma forma geral, não há o reconhecimento devido, pois quando falamos em valorização do policial precisamos de muito mais do que é oferecido hoje, tendo em vista a complexidade e risco do seu trabalho.
Link
Flavio Fox

Flavio Fox

Policial Civil a 18 Anos, Combatente da criminalidade e responsável pelas confecção de retrato falado dentro do DEIC.

Relacionadas »
Comentários »